Home

24 de abril de 2014

 

Caros Paroquianos, com um “clik” no banner “A Palavra de Deus na vida”, acima, você pode meditar a Palavra de Deus diariamente, faça essa experiência!Que a Palavra de Deus ilumine todos nós!

 

 Buscar vigor espiritual

 

Os diagnósticos da crise contemporânea apontam processos corrosivos de desumanização, pesando existencialmente sobre os ombros de todos. É incontestável a perda do sentido da própria vida, com consequentes atentados contra a dignidade do outro. Violências de todo tipo permeiam as relações sociais e humanas como o tráfico de pessoas - tema da Campanha da Fraternidade (CF-2014) - a banalização da vida e a perda da noção de moralidade, que resultam no desrespeito aos valores essenciais do ser humano.  Essa desumanização que alimenta dia a dia o aumento da violência e intensifica a inércia de ações governamentais e cidadãs, exige reação urgente e massiva na reconfiguração dos cenários socioculturais e políticos.

Tem-se a impressão de que a sociedade contemporânea é um caminhão desgovernado ladeira a baixo, sem freios. De tudo acontece. Tudo parece possível quando deixa de existir clareza sobre os valores do bem e do mal na vida social e familiar. Diante desta realidade, é compromisso inegociável do cristão o combate diuturno para fazer triunfar o bem e a justiça. (...)

Não se pode ser coração da paz e assim, vencer o mal, sem beber da fonte do amor, que o limite humano não garante, em si. E este amor de Deus, na história da humanidade, se personifica em Jesus Cristo. Se há essa compreensão, permanece cotidianamente o desafio de aproximação dessa fonte e o usufruto da oferta dadivosa que ele faz de si, com ensinamentos e gestos que, imitados e testemunhados, podem fazer de cada coração da paz instrumento de consecução de uma dinâmica social e política que promova a dignidade humana.

Esses espantosos diagnósticos de desumanização da sociedade contemporânea precisam ser afrontados, com o propósito inadiável de nova configuração, em segurança pública, educação, trabalho, saúde, moradia, política menos partidarista e mais cidadã. Pela garantia de oportunidades para todos, por uma cultura que supere a exclusão social. Sendo assim, a reconquista da humanização que se anseia neste momento, com a reorganização das diversidades de todo tipo, autonomias e liberdades, demandas e prioridades, só será possível por meio de uma espiritualidade enraizada, fazendo de cada pessoa coração da paz. (...)

Dom Walmor Oliveira de Azevedo

Arcebispo Metropolitano de Belo Horizonte

 

CNBB abre concurso para Hino da Campanha da Fraternidade 2015

 

O prazo para envio das composições (áudio e partitura) será até 11 de junho de 2014. Por decisão do Conselho Episcopal de Pastoral (Consep) da CNBB, o concurso será realizado em um único edital, que irá selecionar letra e música, simultaneamente, podendo haver parceria de letristas e músicos.

A Campanha da Fraternidade de 2015 terá como tema “Fraternidade: Igreja e Sociedade” e lema “Eu vim para servir” (cf. Mc 10,45). O objetivo é inserir a campanha nas comemorações do jubileu do Concílio Vaticano II, com base nas reflexões propostas pela Constituição Dogmática Lumen Gentium e na Constituição Pastoral Gaudium et Spes, que tratam da missão na Igreja no mundo. (...)

“A participação de poetas e músicos para a composição de um hino visa traduzir em linguagem poética os conteúdos do tema, lema e objetivos da Campanha da Fraternidade, com uma melodia bela e expressiva que possibilite a participação de todos no canto”, explica.

Confira o edital do concurso.

Fonte: CNBB

  CRECHE ANJO DA GUARDA: CONSTRUINDO JUNTOS

Com o tema “Creche Anjo da Guarda - Construindo Juntos” relançamos a Campanha visando arrecadar fundos para à concretização desta Obra de Caridade que irá atender 100 (cem) crianças de famílias carentes.

  

“Assim também é a fé: sem as obras, ela está completamente morta.”
Carta de São Tiago, 2,17

 Caros Paroquianos, que a nossa fé possa se manifestar em atos concretos.Juntos, construiremos a sede da Creche Anjo da Guarda.

Você pode colaborar no balcão do dízimo, na secretaria paroquial ou depositando na conta aberta na Caixa Econômica Federal.

CAIXA ECONÔMICA FEDERAL

AGÊNCIA: 0012OPERAÇÃO: 003CONTA: 4158-0.

 Escolha a forma mais prática e conveniente. Doe o que for possível, com alegria e generosidade.

 

 

 

Última atualização ( Qua, 23 de Abril de 2014 06:40 )

 
Quem está on-line
Nós temos 6 visitantes online